Pilates e gravidez – Fazer ou não fazer

Pilates está ganhando popularidade como um exercício que é bom durante a gravidez. Muitos defensores avançaram para promover Pilates como um meio para aumentar a flexibilidade, força e equilíbrio muscular.

Mesmo os entusiastas, porém, concordam que existem algumas precauções que você deve tomar na realização de Pilates durante a gravidez. Aqui estão algumas coisas que fazer e não fazer para ter em mente.

Fazer Pilates na Gravidez 

* Verifique com seu profissional de saúde. Se você está vendo uma parteira, ou um médico de família durante sua gravidez, certifique-se de que ele está ciente de que deseja fazer Pilates.

Seu médico deve apoiar sua decisão de fazer Pilates; Se não, não vá contra o seu conselho. Pode haver razões pelas quais você não deve prosseguir Pilates durante a gravidez, mesmo que conheça outros que o fizeram.

Orientações

* Estique seus músculos suavemente. Seu corpo, naturalmente, se torna mais flexível durante a gravidez, e ajudá-lo um pouco pode ser muito útil para facilitar o trabalho.

O alongamento suave é simplesmente o que o seu corpo está lhe dizendo para fazer – fique atento!

* Fortalecer os músculos do núcleo. O assoalho pélvico, a parte inferior das costas e os músculos abdominais são jogadores importantes durante o trabalho de parto. Pilates concentra-se nesses grupos musculares.

* Procure instrução pré-natal específica se esta for sua primeira vez fazendo Pilates. Você pode inscrever-se em uma aula pré-natal de Pilates, ou usar um clipe de DVD ou internet especialmente orientado para mulheres grávidas.

* Trabalhar na respiração. Como qualquer pessoa que tenha dado à luz pode lhe dizer, respirar profundamente e calmamente é essencial para um trabalho mais confortável e eficaz. Exercícios de respiração de Pilates podem ajudá-lo com isso.

Não Fazer Pilates na Gravidez

* Estique demais. Seu corpo está afrouxando suas articulações, e alongar seus músculos até o ponto de dor pode ser prejudicial.

Orientações

* Deixe-se arrasar. Os especialistas sugerem testar seus limites dessa maneira: durante o treino de Pilates, você deve poder falar com um tom de voz normal sem ofegar e ofegar.

* Faça exercícios que exigem equilíbrio preciso, a menos que você tenha alguém com você. Seu centro de gravidade muda quando você está grávida, e você tem uma postura corporal diferente quando você fica de pé.

Exercícios que parecem fáceis ou que você conseguiu fazer facilmente antes podem prejudicar seu equilíbrio quando estiver grávida.

* Espere seus movimentos para olhar ou sentir o mesmo. Tente não ficar frustrado – abrace a diferença em seu corpo. Está fazendo o que é suposto fazer, e não é o mesmo que o seu corpo não grávida.

Acostumar-se a essa ideia de antemão pode ajudar a aliviar a frustração ou outros sentimentos negativos que você pode ter enquanto você encontra seu corpo não cooperando como costumava fazer.

Professor José Passos

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *